Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 3 de março de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Brasil sobe em ranking e se torna a 9ª maior economia do mundo, segundo FMI

De acordo com o estudo, Estados Unidos, China e Alemanha lideram o ranking dos maiores PIBs. Economia brasileira é estimada em US$ 2,13 trilhões neste ano

Estados Unidos, China e Alemanha são as três maiores economias do mundo em 2023, segundo projeções do Fundo Monetário Internacional (FMI) divulgadas nessa segunda-feira (18). As estimativas da organização colocam o Brasil na nona posição, com o Produto Interno Bruto (PIB) estimado em US$ 2,13 trilhões neste ano, desbancando o Canadá, cuja economia chegaria a US$ 2,12 trilhões.

No ano passado, o Brasil estava em 11° lugar. Naquele levantamento, o FMI destacou a “agricultura dinâmica e serviços resilientes no primeiro semestre de 2023” como os fatores para a perspectiva otimista quanto à expansão do PIB brasileiro.

Os números constam do relatório do World Economic Outlook (Perspectiva Econômica Mundial em inglês). De acordo com o estudo, a economia dos Estados Unidos alcança US$ 26,95 trilhões, seguida pelos US$ 17,7 trilhões da China e US$ 4,43 trilhões da Alemanha. Assim, as três nações mais ricas somam  US$ 49,08 trilhões.

Os dados mostram que a economia mundial se recupera gradativamente da crise que tomou conta do mundo com a pandemia de covid-19, iniciada no final de 2019, e com a guerra na Ucrânia, a partir de fevereiro de 2021.

De acordo com a projeção do FMI, a inflação global deve se reduzir “forma constante”, caindo de 8,7% em 2022 para 6,9% em 2023 e chegando a 5,8% em 2024. Mas isso, diz o fundo, se deve a uma “política monetária mais restritiva, auxiliada pelos preços internacionais mais baixos das matérias-primas”.

Confira o ranking das 20 maiores economias:

1. Estados Unidos – US$ 26,95 trilhões
2. China – US$ 17,7 trilhões
3. Alemanha – US$ 4,43 trilhões
4. Japão – US$ 4,23 trilhões
5. Índia – US$ 3,73 trilhões
6. Reino Unido – US$ 3,33 trilhões
7. França – US$ 3,05 trilhões
8. Itália – US$ 2,19 trilhões
9. Brasil – US$ 2,13 trilhões
10. Canadá – US$ 2,12 trilhões
11. Rússia – US$1.86 trilhão
12. México – US$1.81 trilhão
13. Coreia do Sul – US$1.71 trilhão
14. Austrália – US$1.69 trilhão
15. Espanha – US$1.58 trilhão
16. Indonésia – US$1.42 trilhão
17. Turquia – US$1.15 trilhão
18. Holanda – US$1.09 trilhão
19. Arábia Saudita – US$1.07 trilhão
20. Suíça – US$ 905 bilhões

Em suas redes sociais, o ministro da Secretaria de Comunicação da Presidência da República, Paulo Pimenta, comemorou a divulgação dos dados e destacou que o País já esteve em 7º lugar entre 2010 e 2014.

“De volta ao Top 10: ultrapassamos o Canadá e somos oficialmente a 9ª maior economia do mundo de acordo com o FMI […] Em 2010, saímos do top 10. Começamos 2023 na 12ª posição no ranking e vamos fechar o ano subindo 3 posições”, escreveu o ministro.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.