Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 5 de março de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Governo de Mato Grosso do Sul contrata novas obras para Campo Grande

O SVO é um departamento da Saúde que atua em casos de morte natural, sem suspeita de violência. Ou seja, é ele quem determina a causa do óbito registrado.
Imagens: Agesul/Divulgação
Imagens: Agesul/Divulgação

Duas novas obras para Campo Grande foram contratadas pelo Governo do Estado nesta sexta-feira (22): a edificação do prédio do SVO (Serviço de Verificação de Óbitos), que atenderá a área da Saúde, e a construção de bases de arenas esportivas em sete bairros.

Conforme projeto da Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos) e da Seilog (Secretaria Estadual de Infraestrutura e Logística), o prédio do SVO de Campo Grande será erguido na Rua Gabriel Abrão, no bairro Parati, na mesma área onde hoje funciona o Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal).

O SVO é um departamento da Saúde que atua em casos de morte natural, sem suspeita de violência. Ou seja, é ele quem determina a causa do óbito registrado. 

Com R$ 4,2 milhões, o complexo será construído com calçamento externo; muro de fechamento do terreno; e estacionamento interno com 14 vagas convencionais, uma vaga PCD (Pessoa com Deficiência) e duas de idoso.

O prédio terá 638,66 m² contendo os seguintes ambientes: recepção; salas de assistência social, administrativa, coordenação, reunião, plantão, treinamento, utilidades, necropsia e laudos; banheiros masculino e feminino; banheiros PCD masculino e feminino; depósito de materiais; almoxarifado; central de processamento de dados; copa; laboratórios geral e de histologia, macroscopia e microscopia; arquivo de peças; garagem para carro funerário; vestiário e paramentação; espaço para guarda de cadáveres, com duas câmaras frias; e abrigo de resíduos.

As obras devem durar 240 dias consecutivos após o início dos serviços.

Prédio do SVO será erguido na Rua Gabriel Abrão, no bairro Parati

Bases para arenas esportivas

A outra obra contratada pelo Estado é a de construção de bases para arenas esportivas nos bairros Coophatrabalho, Coophavila, Dom Antônio Barbosa, Itamaracá, Paulo Coelho, Nova Campo Grande e Zé Pereira, ao custo de R$ 950 mil. 

Com a iniciativa, a Agesul e a Seilog vão preparar os terrenos para depois instalar os módulos das arenas esportivas – que têm grama sintética e são preparadas para práticas esportivas de futebol society e basquete 3×3.

Conforme projetos, a arena do bairro Nova Campo Grande será instalada na Rua Cinquenta e Nove, próxima do cruzamento com a Quarenta e Nove. No Zé Pereira, a estrutura será construída na Rua Coronel Zelito Alves Ribeiro, esquina com a Itaporanga. 

Arena esportiva do programa MS Bom de Bola

No Coophatrabalho, a arena ficará na Rua Presidente Café Filho, esquina com a Pequi. Já a estrutura esportiva do Jardim Itamaracá será erguida no cruzamento da Rua Eufrates com a Padre Mussa Tumã. No Jardim Paulo Coelho Machado, o instrumento esportivo ficará na Rua Ana Jacinto de Oliveira, próximo do centro comunitário do bairro.

A arena do Dom Antônio Barbosa será construída no cruzamento das ruas Lúcia dos Santos e Anselmo Selingardi. Por último, a estrutura esportiva do Coophavila será feita na Rua do Cabo, em uma área verde entre a Avenida Gunter Hans e a Rua dos Crustáceos.

As obras das bases serão feitas em um prazo de 90 dias consecutivos, contados a partir da data de emissão da ordem de início dos serviços.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.