Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 24 de abril de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Israel iniciou operação na Cisjordânia, em cidade do número dois do Hamas hoje

Dezenas de moradores foram interrogados pelas forças israelenses e mais de 20 foram detidos, incluindo um irmão de Saleh al-Arouri e nove de seus sobrinhos
Soldados israelenses sentam-se em um tanque Merkava
Soldados israelenses sentam-se em um tanque Merkava

O Exército israelense iniciou na manhã deste sábado uma operação na Cisjordânia, na localidade natal do número dois do movimento islamista palestino Hamas, e prendeu membros de sua família, segundo testemunhas.

O Exército de Israel confirmou em um comunicado que, em conjunto com Serviço de Segurança Interna, Shin Beth, lançou uma operação em Arura na qual “interrogou e deteve dezenas de membros do Hamas”, incluindo familiares de Saleh al-Arouri, segundo no comando do Hamas, atrás apenas do líder Ismail Haniyeh.

Dezenas de moradores foram interrogados pelas forças israelenses e mais de 20 foram detidos, incluindo um irmão de Arouri e nove de seus sobrinhos, segundo o prefeito, Ali al-Jasib, e relatos de testemunhas.

“Durante a operação, a casa de Arouri foi utilizada pelo Shin Beth e pelo Exército como quartel-general para a detenção e interrogatório de ativistas”, detalharam as forças israelenses.

O número dois do grupo islamista é acusado por Israel de ser o mentor de vários ataques. Depois de passar quase 20 anos em prisões israelenses, ele foi libertado em 2010 com a condição de se exilar e permanecer no Líbano.

Ele é procurado desde o início da ofensiva inédita do Hamas em território israelense há duas semanas, que deixou mais de 1.400 mortos, a maioria deles civis. Em resposta, Israel bombardeia diariamente a Faixa de Gaza, onde já morreram ao menos 4.385 mortos, segundo o Ministério da Saúde palestino.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.