Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 22 de maio de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Procon-MS recebe reivindicações e promete ajudar motoristas de aplicativos

Foto: Procon-MS
Foto: Procon-MS

Comissão representando motoristas de aplicativos, formada  por  quatro profissionais do setor,  foi recebida na manhã desta segunda-feira ( 05.04) na Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor- Procon/MS, ocasião em que, recebidos pelo  superintendente Marcelo Salomão, encaminharam pedidos de intermediação na solução de questões  que entendem ser importantes para o desenvolvimento de  seus trabalhos.

Entre os problemas pontuados os profissionais destacam a necessidade de abertura de investigações relacionadas a práticas abusivas de plataformas contra motoristas e a  economia, entre as quais a  redução, de forma unilateral, do pagamento dos profissionais tornando impraticável a permanência na atividade e a  aplicação de punições no caso de motoristas não atingirem as metas pré estabelecidas Tais punições , em alguns casos,  vão até o desligamento, bloqueio da atividade e exclusão sem prévio aviso.

Reivindicam, também,  acompanhamento e investigação  dos aumentos abusivos nos valores dos combustíveis, especialmente em relação ao etanol. Os representantes dos profissionais trouxeram, também, como solicitação a possibilidade de  defender a inclusão dos motoristas no programa de Auxilio  Social do governo do Estado, uma vez que muitos deles estão passando por necessidade  chegando ao ponto de não terem gêneros de primeira necessidade em casa.

Ainda durante a conversa no Procon Estadual, os profissionais sugeriram que  fosse discutida junto ao  governo estadual a possibilidade de incentivo por meio de redução nos valores  de IPVA àqueles que desenvolverem as atividades utilizando veículos movidos a gás natural veicular – GNV. Justificam  alegando que o uso da modalidade  do combustível trará vantagens  ao Estado por uma série de razões, entre as quais o fato de que a maioria passaria a trabalhar com veículos próprios  abolindo o aluguel. Com isso, o recolhimento de impostos beneficiaria a administração local.

Os motoristas  de aplicativos foram representados por Alfredo Orlando Palhano, Fuad Salamene Neto, Helder de Brito Lima e  Eliane Garcia, aos quais  o superintendente Marcelo Salomão afirmou que procurará encaminhar e acompanhar o andamento das reivindicações nos devidos setores.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.