Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 22 de maio de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Ação da Polícia Federal mira trabalho escravo envolvendo paraguaios na região de fronteira

Foram cumpridos três mandados de busca e apreensão e realizada uma prisão em flagrante pode posse ilegal de arma de fogo
Imagens - Polícia Federal/Divulgação
Imagens - Polícia Federal/Divulgação

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (5/3), a Operação Corixo, que investiga o emprego de trabalhadores paraguaios em condições análogas à escravidão em fazendas de Bela Vista, na fronteira com o Paraguai. 

Foram cumpridos três mandados de busca e apreensão em diferentes locais no município sul-mato-grossense, além de outras medidas cautelares, como a proibição de contato com as vítimas.

Durante a realização das buscas foram encontradas diversas armas de fogo, longas e curtas, além de munição e grande quantidade de agrotóxico.

Em razão disso, um homem foi preso em flagrante por posse ilegal de arma de fogo e por manter agrotóxicos em depósito de forma irregular.

Esta operação recebeu o apoio e a participação de servidores do Ministério do Trabalho e Emprego.

O nome da operação faz alusão a um termo muito usado no pantanal, que se refere a um curso d’água que pode apresentar diversos tamanhos e larguras, como se fossem braços de rios, que se formam durante a cheia na planície pantaneira.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.