Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 1 de março de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Após passar dois dias na geladeira do IML sírio vítima do terremoto “acorda” no funeral

Ahmed al-Maghribi foi localizado pelas equipes de resgate
Ahmed al-Maghribi foi localizado pelas equipes de resgate

Um homem declarado morto após ser encontrado nos escombros do terremoto na Síria ‘voltou à vida’ em seu próprio funeral. Ahmed al-Maghribi foi localizado pelas equipes de resgate e retirado de um prédio que desabou na cidade de Atarib, na Síria.

Durante o atendimento, ele não demonstrou sinais vitais e os profissionais o declararam como morto. Os médicos e paramédicos colocaram seu corpo em uma geladeira por dois dias enquanto esperavam que os familiares aparecessem para identificá-lo.

Assim que os parentes confirmaram que era Ahmed, ele foi colocado em um saco para cadáveres e levado a um cemitério para cortejo fúnebre. No entanto, surpreendentemente, assim que o corpo chegou ao cemitério, ele começou a se mover. Quando os funcionários da funerária abriram o caixão, o homem foi achado vivo e aparentemente bem.

A surpresa deixou a família e os amigos da vítima atordoados e Ahmed foi levado de volta ao hospital, onde permanece internado.

A imprensa local informa que a suspeita é de que episódio pode ter sido um caso raro de coração de uma pessoa que voltou a bater após uma parada cardíaca provocada por um choque.

O terremoto de magnitude 7,8 ocorreu na manhã de 6 de fevereiro, e provocou mortes e destruição na Turquia e no norte da Síria.

O abalo sísmico é considerado um dos piores desastres naturais dos dois países, com mais de 47 mil pessoas mortas e mais de 100 mil feridos. Segundo a Al Jazeera, a Síria registra 5.939 mortes. Enquanto na Turquia, o número de mortos é de 41.156.

 

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.