Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 19 de maio de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Com inquérito instaurado, Neymar será investigado por homofobia

Érica Dias disse que Neymar terá mais um filho 
- Foto:  Instagram
Neymar
Érica Dias disse que Neymar terá mais um filho - Foto: Instagram Neymar

O atacante Neymar , que se recupera de contusão para tentar enfrentar o Barcelona no jogo de volta da Champions League, pode ter que comparecer a delegacia muito em breve. A informação é do repórter Gabriel Perline.

Isso porque, o jogador será investigado e pode ser intimado por conta do episódio em que chamou Tiago Ramos, ex-namorado da sua mãe, de “viadinho”.  Em conversa com amigos, em uma transmissão privada da Twitch, uma plataforma de jogos online , Neymar falava do episódio em que o ex-namorado da sua mãe foi levado ao hospital com um ferimento no braço, depois de uma confusão em um apartamento localizado em Santos.

Na ocasião, ele revelou aos “parças” que a mãe mentiu para a família ao dizer que o padrasto havia tropeçado da escada e caído em um vidro, já que isso seria impossível pela distância. Ainda no áudio, Neymar não escondeu seu descontentamento com Tiago e o chamou de “viadinho” e de “dá o c* do caralho”. Já os amigos sugerem que como castigo deveriam colocar cabo de vassoura no c* do padrasto do jogador.

Após o ocorrido, Agripino Magalhães, ativista LGBTQ+, denunciou o jogador por homofobia ao Ministério Público e passou a receber ameaças de morte. O caso  foi encaminhou à Secretaria de Segurança Pública, o pedido foi acatado, e o inquérito instaurado.

Agripino é aguardado para prestar depoimento na próxima quarta. Neymar, por sua vez, poderá ser intimado a qualquer momento.

De acordo com Angelo Carbone, advogado do ativista, as falas do jogador podem incitar a propagação do ódio aos LGBTs. “Ele é um influenciador. A partir do momento em que fala com naturalidade algo que possa se enquadrar em crime de homofobia, ele incentiva seus fãs a terem o mesmo comportamento”, alega.

 

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.