Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 1 de março de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Em vídeo, Daltro questiona decisão do TSE e garante que MDB terá candidato próprio

O ex-prefeito de Sidrolândia Daltro Fiuza (MDB) candidato mais votado nas últimas eleições e que foi impugnado pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) ontem (02) em julgamento transmitido ao vivo, destacou durante um vídeo publicado em sua rede social que a decisão contém inverdades e que foi uma injustiça.

Ele questionou o posicionamento de ministros do TSE e discordou das justificativas apresentadas por eles. Daltro teve seu recurso negado por unanimidade, ou seja, 7 votos a zero. Fiuza foi considerado inelegível porque durante seu mandato no ano de 2008, houve rejeição das contas pela Câmara. Em 2009, houve rejeição da prestação de contas do convênio firmado para liberação de recursos para o cascalhamento de estradas vicinais no Assentamento Eldorado.

No mesmo ano, faltando 4 meses para acabar o seu mandato, aumentou seu salário, do vice, de secretários e vereadores, indo contra a Lei de Responsabilidade Fiscal, que proíbe que haja aumento no final do mandato.

Por esses e outros motivos, ele acabou tendo o registro de sua candidatura indeferido e seus votos foram anulados.

Apesar de algumas divergências entre os magistrados, todos foram a favor do não provimento ao recurso de Daltro e da manutenção do indeferimento da candidatura. O presidente da mesa, o ministro Luis Roberto Barroso, chegou a dizer que “passaria a mensagem errada” se a decisão dos integrantes fosse o contrário.

Além dele, o relator do caso, Luis Salomão, e os ministro Tarcisio Vieira, Sérgio Banhos, Mauro Campbell, Alexandre de Moraes, participaram da votação. Daltro foi defendido pelo ex-ministro da Justiça, na gestão petista, José Eduardo Cardozo, e pela ex-ministra do TSE, Luciana Lóssio.

O TRE (Tribunal Regional Eleitoral) vai determinar uma data para a eleição suplementar em Sidrolândia.

Nova eleição 

Misterioso como sempre, Daltro Fiuza disse em sua live apenas que o candidato que terá seu apoio deve sair do MDB e vai contar com o apoio de demais partidos aliados.

Vejam Vídeo

https://www.facebook.com/watch/?v=740350873339196

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.