Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 5 de março de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Empresário da fronteira envolvido com jogo do bicho continua foragido

Zeizo, empresário suspeito de envolvimento com jogo do bicho (Foto: Arquivo/Facebook)
Zeizo, empresário suspeito de envolvimento com jogo do bicho (Foto: Arquivo/Facebook)

O empresário José Eduardo Abdulahad, 66, ou “Zeizo”, é um dos alvos da Operação Successione, deflagrada terça-feira (5) pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado). Apontado como dono da banca “Gato Preto”, em Ponta Porã/Pedro Juan Caballero, ele é um dos que tiveram a prisão decretada na operação deflagrada contra o deputado estadual Neno Razuk (PL) e pessoas ligadas a ele.

Eduardo Abdulahad já foi preso pela Polícia Federal no âmbito da operação “Xeque-Mate”, em 2007. Na época, a PF apreendeu 10 máquinas caça-níqueis utilizadas na exploração de jogo de azar, em Campo Grande. Entretanto, o empresário foi inocentado no curso do processo.

Além de Abdulahad, outras nove pessoas foram alvos da ofensiva contra o jogo do bicho. Entre os presos estão policiais militares da reserva e assessores parlamentares de Neno Razuk. A casa do deputado foi alvo de mandado de busca e apreensão e dois celulares, um tablet e uma pistola foram apreendidos.

O advogado e filho do empresário, Rhiad Abdulahad, informou que o pai estava em viagem durante a operação desta semana e deve se apresentar em data não informada.

Sete mandados de prisão foram cumpridos. Os presos são o major reserva da PM Gilberto Luiz dos Santos, assessor parlamentar de Neno Razuk; o filho do major, Júlio César Ferreira dos Santos; o assessor parlamentar de Neno, Diego de Souza Nunes; o sargento aposentado e também assessor parlamentar Manoel José Ribeiro, o “Manelão”; Valmir Queiroz Martinelli; Matheus Aquino Junior e Taygor Ivan Moretto Pelissari.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.