Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 24 de fevereiro de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Governo de MS divulga lista da 3ª chamada dos candidatos classificados para alteração da CNH

Não é a carteira de motorista, é a carteira de trabalho, porque ele sai dali empregado, este é o maior programa social que a gente pode oferecer para a nossa gente”, afirmou o governador Eduardo Riedel

Geração de empregos e qualificação profissional. Com este lema o programa “Voucher Transportador”, realizado pelo Governo do Estado, divulgou na segunda-feira (22) com o Sest Senat a terceira chamada dos candidatos classificados para seleção. Eles terão que apresentar os documentos e atender as exigências no prazo previsto no edital.

Os selecionados receberão um email com todas as orientações e o encaminhamento para que se cadastrem no site do Sest Senat e enviem a documentação exigida:

  1. documento de identificação (CNH);
  2. Nada Consta do Detran ou certidão de prontuário;
  3. Certidão de antecedentes criminais;
  4. comprovante de residência;
  5. comprovante de vínculo com o setor de transporte, caso tenha inserido CNPJ no ato da inscrição.

O prazo de envio dos documentos é de até três dias úteis, a contar de 22 de janeiro. Para enviá-los, é preciso anexá-los no seguinte endereço sestsenat.org.br/cliente/alterar-dados. A partir daí, o Sest Senat validará a documentação e, então, terá início o processo de mudança de categoria, seguindo o cronograma definido por cada Unidade Operacional.

O Sest Senat divulgou nesse link a relação de novos candidatos selecionados na terceira chamada do programa Mais Motoristas. A iniciativa busca promover a empregabilidade no setor de transporte e aumentar o número de motoristas profissionais por meio do custeio da mudança de categoria da CNH e da oferta de curso de formação. Confira aqui os novos selecionados.

O programa do Governo do Estado oferece 1000 vagas para profissionais que desejam passar por qualificação na função de motorista de carga e ônibus e ainda ter a oportunidade incluir as letras “D” e “E” na habilitação com custo zero, com tudo arcado pelo Governo. Se os candidatos selecionados não atenderem as demandas solicitadas, novas chamadas serão feitas para preencher as vagas.

“O objetivo é preparar esses profissionais para as constantes transformações e demandas do mercado de trabalho e contribuir para o aumento de sua empregabilidade, por meio da capacitação, em cursos que aliam teoria e prática em veículos com tecnologia embarcada” salienta Bruno Bastos, secretário executivo de qualificação profissional e trabalho da Semadesc.

A expectativa é que os selecionados façam primeiro a inclusão das letras “D” e “E”, com custo zero, depois farão a qualificação profissional no Sest Senat, para que assim estejam aptos a preencher as vagas de trabalho disponíveis no setor de transporte.

O programa lançado pelo Governo do Estado, é desenvolvido pela Semadesc (Secretaria Estadual de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação), em parceria com o Sest Senat, com participação efetiva do Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de MS).

O objetivo desta iniciativa é atender o setor de transportes, que tem vagas disponíveis para motoristas, mas não consegue preencher as funções por falta de qualificação dos profissionais. Com este apoio o Governo movimenta a economia, gera empregos e aumenta a renda da população.

“A prosperidade e o crescimento é um instrumento que se faz com educação e qualificação. A gente vai inserir as pessoas dentro desse processo. Vamos entregar em breve mil carteiras de motoristas D e E para todo o Estado, junto com a carteira de trabalho. Não é a carteira de motorista, é a carteira de trabalho, porque ele sai dali empregado, este é o maior programa social que a gente pode oferecer para a nossa gente”, afirmou o governador Eduardo Riedel.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.