Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 24 de fevereiro de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Homem acusado do assassinato de idosa em 2022 é preso em Dourados

O primeiro envolvido foi localizado e preso pela Polícia Militar. Ele foi encontrado nas proximidades de uma plantação na zona rural de Aral Moreira
Imagem - Polícia Civil/Divulgação
Imagem - Polícia Civil/Divulgação

A Polícia Civil, por intermédio da Delegacia de Aral Moreira, prendeu nesta segunda-feira (23/10) em Dourados, o segundo autor de um crime de homicídio ocorrido em janeiro de 2022, que vitimou a idosa Nilza Bezerra de Paula, de 79 anos de idade. O crime ocorreu nas proximidades do cemitério municipal de Aral Moreira. O rapaz não teve o nome divulgado. 

As investigações iniciais apontaram para a participação de dois indivíduos, embora apenas um deles estivesse identificado naquele momento. O primeiro suspeito havia sido identificado e, à época, sua prisão temporária foi solicitada e subsequentemente decretada.

O primeiro envolvido foi localizado e preso pela Polícia Militar. Ele foi encontrado nas proximidades de uma plantação na zona rural de Aral Moreira, à beira da MS-485.

A prisão do primeiro suspeito foi essencial para a identificação do segundo. O delegado Maurício Moura Vargas, titular da Delegacia de Aral Moreira, representou pela prisão preventiva de ambos os suspeitos e nesta segunda-feira (23) a 1ª Vara Criminal de Ponta Porã decretou a prisão preventiva dos dois investigados.

Assim que o mandado de prisão foi expedido, a equipe policial iniciou as buscas e conseguiu capturar o indivíduo em Dourados.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.