Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 14 de julho de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Jacaré é executado a tiros por pistoleiros em Nova Londrina, no Paraná

Ricardo Marcos Xavier conhecido como Jacaré
Ricardo Marcos Xavier conhecido como Jacaré

Ricardo Marcos Xavier conhecido como Jacaré, natural de Lupionópolis (PR) e morador de Nova Andradina, morreu na tarde deste sábado (6), a tiros em uma residência na região central de Nova Londrina (PR), cidade a 123 quilômetros de Nova Andradina.

Conforme informações junto a polícia civil Polícia Civil daquela cidade, Jacaré pediu pouso numa residência localizada a rua Raimundo de Oliveira, no centro, na noite de ontem e neste sábado (6), no período da tarde, dois homens numa moto chegaram no local e executaram ele a tiros.

Após do crime os pistoleiros fugiram tomando rumo ignorado. A Polícia Militar foi acionada, isolou o local até a chegada da Perícia Criminal e Polícia Civil.

O caso já está sendo investigado e a família da vítima deve realizar o traslado para Nova Andradina.

Vida no crime

Em abril de 2012, Ricardo Xavier foi preso numa operação da Polícia Civil de Nova Andradina, que teve apoio das Delegacias de Batayporã e Taquarussu. Naquela ocasião, Jacaré estava em uma das linhas de investigações dos crimes ocorridos recentemente na cidade, como é era o caso do roubo de uma farmácia ocorrido no dia 14/4/2012 e na tentativa de roubo em um posto de combustíveis no dia 24/04/2012, onde houve perseguição da polícia e na fuga, depois de cair com a moto, fugiu tomando rumo ignorado, mas a moto foi apreendida.

Com Jacaré foi encontrado uma pistola .40 produto de roubo ocorrido no dia 15/3/2012, pertencente a Polícia Civil do Estado de Mato Grosso do Sul, onde as investigações foram sigilosas sem divulgação para não atrapalharem os trabalhos policiais, esta arma que Jacaré praticava os crimes.

Já em fevereiro de 2015, Jacaré voltou a ser preso pela Polícia Civil de Nova Andradina, devido a duas condenações por roubo pela Justiça de Nova Andradina, somando as penas de 9 anos, 9 meses e 18 dias de reclusão, mais 20 dias-multa.

Também foi condenado por receptação a pena de 1 anos, 4 meses e 15 dias de reclusão e mais 10 dias-multa, totalizando 11 anos, 1 mês e 18 dias de reclusão, inicialmente fechado.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.