Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 22 de abril de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Junior chora ao lançar carreira solo no Fantástico e web põe Sandy nos assuntos mais comentados

Segundo o filho de Xororó e Noely, depois que ele e Sandy decidiram fazer uma turnê comemorativa juntos, ele voltou a encontrar prazer em estar nos palcos
Crédito:Reprodução/Instagram
Crédito:Reprodução/Instagram

Junior Lima [agora sem o sobrenome] lançou seu primeiro trabalho sem Sandy neste domingo (29), durante uma entrevista ao “Fantástico”. Em um momento de profunda emoção, o artista, que ganhou uma declaração emocionada da irmã famosa, chorou ao falar sobre o período que estava longe da música: “Eu estou morto”, desabafou.

Segundo o filho de Xororó e Noely, depois que ele e Sandy decidiram fazer uma turnê comemorativa juntos, ele voltou a encontrar prazer em estar nos palcos. “Durante todo o processo [de retomada da dupla], nos shows, me vinha toda essa reflexão de que eu estava distante de mim. E eu comecei a ter essa sensação de que eu sou um artista do pop, não posso estar tão distante da música pop. Eu estava há anos sem dançar e aquilo foi me dando tanto prazer. E me ver ali também cantando as minhas músicas, coisas que eu tinha composto”, explicou.

Mas foi pego de surpresa pela pandemia da Covid-19, que mudou seus planos de retomar a carreira solo. “Como muita gente, também tomei a minha rasteira da vida. Foi bastante doída essa fase”, lamentou.

Frase de Clarice Lispector deu ânimo para retomada

Em um momento em que estava em casa, trabalhando em um trecho de uma música enviada pelo pai, Junior acabou se distraindo com as redes sociais e lendo o trecho de uma entrevista da escritora Clarice Lispector. “Ela dizendo que quando ela não estava criando, escrevendo, que ela estava morta. E ela fala assim [na entrevista]: ‘agora, por exemplo, eu estou morta’. Quando eu li isso, foi uma facada em mim. Eu percebi exatamente: ‘é isso, eu tô morto’. Se eu não estou criando, não estou acompanhado da minha música, eu não tô inteiro e não estou vivo”.

Segundo o músico, foi preciso ainda enfrentar traumas do passado para conseguir se lançar na nova carreira: “O canto foi uma coisa que eu me afastei por muitos anos. Tinha minhas dores a respeito disso, dificuldade de lidar com isso. Veio muita crítica quando moleque e eu acreditei em muitas delas. Eu encaro como um ato de coragem fazer esse disco”.

Nome de Sandy fica entre assuntos mais comentados

Apesar dos holofotes desta vez estarem todos em Junior, o nome de Sandy – que faz segunda voz para o irmão na faixa “F*da-se” – foi parar nos assuntos mais comentados do X [antigo Twitter]. “O Junior lançando o álbum solo e a Sandy nos TT’s, como assim?”, questionou um internauta. 

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.