Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 17 de julho de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Polícia Federal abre inquérito contra Ciro Gomes a pedido de Bolsonaro

Foto: Vinícius Santa Rosa
Foto: Vinícius Santa Rosa

A Polícia Federal instaurou um inquérito contra ex-governador do Ceará Ciro Gomes (PDT) por causa de uma entrevista em que ele criticou o presidente Bolsonaro e o chamou de ladrão.

Segundo apuração com integrantes da PF e do Ministério da Justiça, o pedido de investigação partiu do próprio presidente Bolsonaro, que enxergou na fala de Ciro crime contra a honra.

O pedido foi encaminhado ao Ministério da Justiça por meio da Secretaria de Assuntos Jurídicos da Secretaria-Geral da Presidência.

A entrevista de Ciro que motivou a abertura da investigação foi concedida à Rádio Tupinambá, de Sobral (CE), em novembro do ano passado.

Ciro Gomes, que foi candidato à presidência da República em 2018 contra Bolsonaro, afirmou que foi comunicado oficialmente da investigação por uma delegada da Polícia Federal de Brasília. “Soube dez dias atrás. Não dei muita bola”, disse.

“Ela me enviou um email, comunicando a portaria que baixou atendendo ordem do ministro da Justiça que, por sua vez, baseou sua ordem num pedido assinado pelo próprio Bolsonaro”, afirmou Ciro.

Nas redes sociais, o ex-governador afirmou que “considera grave a tentativa de Bolsonaro de intimidar opositores e adversários”. “Entendo que é um ato de desespero de quem vê sua imagem se deteriorar todos os dias pela gestão criminosa do Brasil na pandemia”, criticou.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.