Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 24 de fevereiro de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Polícia resgata brasileiras mantidas como escravas sexuais na Espanha

Cinco suspeitos foram presos

A Polícia Nacional da Espanha, em colaboração com a Polícia Federal brasileira, libertou cinco brasileiras vítimas de um esquema de escravidão sexual internacional na cidade de Almoradí, na província de Alicante. Cinco suspeitos foram presos.

Segundo a polícia espanhola, as brasileiras chegaram ao país para trabalhar como faxineiras, mas foram forçadas à prostituição para “pagar a suposta dívida contraída durante a viagem”.

As vítimas eram monitoradas 24 horas por dia com câmeras, e não podiam descansar ou negar clientes. Além disso, tinham de pagar aluguel, comida e água aos chefes do esquema.

Os traficantes sexuais “aproveitaram as crenças religiosas das vítimas para conseguirem lealdade absoluta” das brasileiras, o que teria ocorrido por meio de rituais, altares e oferendas, segundo a Polícia Nacional da Espanha.

O UOL entrou em contato com a Polícia Federal do Brasil, mas ainda não recebeu retorno. O espaço segue aberto para manifestação.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.