Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 16 de abril de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Rota do Crime 2: Polícia Federal desarticula associação interestadual para o tráfico de drogas

Foram cumpridos mandados de prisão temporária e de busca e apreensão em Ponta Porã/MS, Olímpia/SP e São Paulo/SP

A Polícia Federal de MS (Polícia Federal em MS), deflagrou na manhã desta terça-feira (31), a ‘Operação Rota do Crime 2’, contra o tráfico de drogas em Mato Grosso do Sul e pelo País. Foram cumpridos mandados de prisão temporária e de busca e apreensão em município da fronteira de MS e em dois de São Paulo, incluindo a Capital paulista, após um ano de investigações, que se iniciaram com apreensão de drogas indo ao interior paulista.

As investigações originaram-se após flagrante ocorrido em novembro de 2022, com a apreensão de mais de 1,5 toneladas de maconha em caminhão fretado com destino ao interior de São Paulo”, registrou a PF.

A PF não divulgou quantos seriam as possíveis prisões a serem realizadas, e, se já foram presos os acusados em MS, como por SP. Os mandados de prisão temporária e de busca e apreensão seriam nas cidades de Ponta Porã/MS, Olímpia/SP e São Paulo capital, visando desarticular associação (quadrilha) interestadual do tráfico de drogas.

Conforme a PF, os então presos são articuladores de esquema criminoso que usavam falsificação de documentos e contratava fretes por meio de serviço terceirizado com a finalidade de traficar drogas de Ponta Porã/MS, para outros estados do Brasil.

“Os criminosos usavam documentos falsos para forjar notas fiscais, adquirir celulares e gerenciar a associação criminosa para o tráfico”, aponta a PF.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.