Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 16 de abril de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Tempestade com ventos de 70 km/h, derruba árvores e postes de energia e deixa comércio alagado em Dourados

Mastro que sustentava a Bandeira do Brasil no Trevo da Bandeira, derrubado pelo vento (Foto: Adilson Domingos)
Mastro que sustentava a Bandeira do Brasil no Trevo da Bandeira, derrubado pelo vento (Foto: Adilson Domingos)

Tempestade que atingiu Dourados na tarde desta quinta-feira (19), registrou ventos de até 70km/h, por volta das 16h13, segundo os dados do Guia Clima da Embrapa Agropecuária Oeste.

Ainda conforme os dados, até às 16h35 desta quinta-feira, choveu cerca de 46.5 milímetros em Dourados. A média de chuva prevista para todo o mês de outubro é de 146.6 milímetros, em Dourados, sendo que o acumulado do mês até ontem (18), era de 63.2 milímetros.

Defesa Civil registrou ocorrência de queda de uma árvore de grande porte na Avenida Marcelino Pires, na área central da cidade, além de diversas quebras de galho.

A árvore interrompeu o tráfego na avenida, entretanto equipes estão no local e trabalham na retirada. Populares ainda relataram a queda de uma árvore na Avenida Weimar Gonçalves Torres, em frente à Caixa Econômica Federal.

Nas redes sociais há diversos vídeos de lojas que foram alagadas no Centro, inclusive alguns que mostram pontos alagados dentro do shopping da cidade. Também há relatos de falta de energia na região dos bairros Parque das Nações I, Vila Industrial e em partes do Centro.

Também houve queda de granizo em alguns pontos.

Pelo menos 12 bairros de diversas regiões estão sem energia em Dourados após o forte temporal que registrou ventos de até 69km/h na tarde desta quinta-feira (19/10).

De acordo com a Energisa, as equipes da concessionária já estão atuando nos reparos para normalizar o fornecimento. 

Os bairros com impactos pontuais neste momento são Chácara Cidelis, Chácaras California, Vila Maxwell, Chácara Caiuás, Jardim Agua Boa, região central, Jardim Londrina, Alto do Indaiá, Estrela Yvate, Parque dos Jequitibás e Jardim Marcia. Em Ithaum, distrito de Dourados, também houve queda de energia e os trabalhos são realizados.

Em nota, a prefeitura informou que no trecho da Marcelino, entre as ruas Benjamin Constant e Quintino Bocaiúva, o trânsito foi interditado para permitir a remoção segura de galhos sem que ocorra acidentes. 

Algumas imagens que circulam nas redes sociais mostram água entrando em comércios e casas. Ainda não há informações sobre outras ocorrências, como destelhamento ou a necessidade de retirar pessoas de imóveis. 

Temporal derruba mastro da Bandeira do Brasil

Cartão postal de Dourados, a Bandeira do Brasil que por anos tremula na Praça Walter Guaritá Marquez, no trevo da Hayel Bon Faker com a BR-163, na saída para Caarapó e Ponta Porã, está no chão. O mastro de ferro que sustentava o principal símbolo da Pátria caiu durante o temporal desta quinta-feira (19). A sustentação foi retorcida pelo vento, que chegou a quase 70 quilômetros por hora.

Em todas as regiões da cidade há árvores derrubadas pelo vento. Equipes da Defesa Civil permanecem nas ruas, levantando os estragos.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.