Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 29 de maio de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Willian, do Arsenal, denuncia ataques racistas nas redes sociais

O meia-atacante Willian, do Arsenal, denunciou nesta sexta-feira diversos ataques racistas que sofreu nas redes sociais nas últimas horas. Em seu perfil no Instagram, ele publicou as ofensas e fez um breve desabafo: “Algo precisa mudar! A luta contra o racismo continua”.

O jogador, com diversas passagens pela seleção brasileira, copiou “prints” dos comentários que recebeu nas últimas horas. Em quase todos, aparecia a palavra “macaco”, às vezes acompanhado das figuras do animal e de bananas. Outro diz para o atleta “voltar para a selva”.

Alguns fizeram referência ao empate do Arsenal com o Benfica, por 1 a 1, na quinta, pela fase de mata-mata da Liga Europa. O brasileiro entrou apenas nos acréscimos da partida. “Nós não podemos e não vamos deixar o racismo e o ódio se tornarem normalizados no futebol”, disse um porta-voz do Arsenal horas depois.

OUTRAS VÍTIMAS

Willian é o segundo jogador negro do Arsenal a sofrer ofensas nesta semana, depois que o atacante Eddie Nketiah recebeu uma mensagem racista no Twitter antes da partida pela Liga Europa, na quinta-feira, contra o Benfica.

Outros jogadores negros, incluindo Axel Tuanzebe, Marcus Rashford, Anthony Martial, Reece James, Romaine Sawyers e Alex Jankewitz foram vítimas nas últimas semanas, o que levou os órgãos de futebol ingleses a pressionar as empresas de mídia social para combater o problema.

 

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.