Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 24 de fevereiro de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Zé Neto e Cristiano são condenados após piada com homem em show

Vamos mandar o Reginaldo [nome fictício] tomar no cu agora”. O cantor ainda disse que contaria até três para a plateia gritar “Chupa, Reginaldo”
Imagem - Reprodução/Instagram
Imagem - Reprodução/Instagram

A dupla sertaneja Zé Neto & Cristiano foi condenada a pagar indenização de R$ 20 mil a um homem. Ex-marido de uma fã dos cantores, o rapaz foi xingado pela plateia após pedidos do vocalista durante um show em Presidente Venceslau, em São Paulo, no ano passado.

O processo, divulgado pelo colunista Rogério Gentile, do UOL, aponta que, durante a apresentação, Zé Neto questionou se alguém da plateia havia terminado o relacionamento recentemente. Uma mulher, que estava grávida, foi convidada a subir ao palco. O cantor, então, disse:

“Vamos mandar o Reginaldo [nome fictício] tomar no cu agora”. O cantor ainda disse que contaria até três para a plateia gritar “Chupa, Reginaldo”.

Na Justiça, o homem disse que não estava no show e soube por amigos da “brincadeira” da dupla sertaneja. Ele alega que virou piada na cidade, além de ter desenvolvido ansiedade e nervosismo após a repercussão do ocorrido no show.

Defesa da dupla

Ainda segundo o colunista, Zé Neto e Cristiano alegaram que a mulher era a pessoa responsável pelos danos causados ao ex-marido, já que ela havia citado o nome do rapaz em público. Eles ainda alegaram que Reginaldo estava tentando “aparecer” e tentando ganhar dinheiro de modo “ilícito”.

Mesmo assim, a dupla foi condenada a pagar R$ 20 mil de indenização ao homem, mas a Justiça rejeitou pedido da vítima de um pedido público de desculpas. As partes fizeram um acordo renunciando ao direito de recorrer.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.