Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 25 de maio de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Helicóptero que caiu com PMs próximo do aeroporto Santa Maria era do mega-traficante Juan Carlos Abadia

No helicóptero estavam dois coronéis, um subtenente e um sargento, sendo dois deles pilotos e dois tripulantes. Um PM foi socorrido com dores na lomba
O traficante colombiano Juan Carlos Ramírez Abadía posava como "um respeitável cidadão italiano" em São Paulo até ser preso
O traficante colombiano Juan Carlos Ramírez Abadía posava como "um respeitável cidadão italiano" em São Paulo até ser preso

O helicóptero que caiu com quatro policiais militar, no final da manhã desta quinta-feira (18), pertencia ao narcotraficante colombiano Juan Carlos Ramirez Abadia. A aeronave foi confiscada pela Justiça Federal e foi entregue à Sejusp (Secretaria de Justiça e Segurança Pública de Mato Grosso do Sul), como fiel depositária, há 17 anos.

A aeronave foi cedida em julho de 2007 ao Governo de Mato Grosso do Sul, mas só chegou ao Estado em outubro do mesmo ano.

Foi usado pela primeira vez em operações policiais em Campo Grande no dia 11 de abril de 2008. No entanto, a aeronave já havia participado de operações do DOF (Departamento de Operações de Fronteira) e pela Secretaria de Produção e Turismo de Mato Grosso do Sul, também na região de fronteira. Todas as ações para fiscalizar contrabando.

O equipamento foi cedido até que os processos contra Abadia transitem em julgado. Ele só pôde ser usado após o pagamento do seguro obrigatório no valor de R$ 105 mil e tem capacidade para três passageiros e dois tripulantes. O helicóptero foi avaliado, na época, em R$ 1 milhão.

A aeronave fazia um voo semanal de giro – realizado para preservação do equipamento – e estava há 20 minutos no ar quando sofreu uma pane. Segundo o Governo do Estado, o helicóptero caiu no momento do pouso e pironou – nome dado para uma espécie de capotagem.

No helicóptero estavam dois coronéis, um subtenente e um sargento, sendo dois deles pilotos e dois tripulantes. Um PM foi socorrido com dores na lombar. O acidente aconteceu na cabeceira da pista.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.