Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 19 de maio de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Homem é executado por pistoleiros com mais de 40 tiros na fronteira do Paraguai

Por conta de estar ferido, perdeu o controle da direção e colidiu o veículo contra uma casa. Não houve tempo de socorro e a morte foi constatada
Imagem - ABC Color
Imagem - ABC Color

Gregório Gomez, de 35 anos, foi assassinado dentro da caminhonete que conduzia após ser emboscado por pistoleiros, nesta terça-feira (12), na Villa Ygatimi, localizada no departamento de Canindeyu, cidade paraguaia que faz fronteira com Paranhos. Foram mais de 40 tiros.

A vítima conduzia uma caminhonete Volkswagen Amarok e tentou fugir dos pistoleiros na tarde de ontem, mas foi atingida pelas dezenas de disparos. Por conta de estar ferido, perdeu o controle da direção e colidiu o veículo contra uma casa. Não houve tempo de socorro e a morte foi constatada.

Em 16 de dezembro do ano passado, a cidade que faz fronteira com MS foi palco de outra execução. O narcotraficante Ignacio Medina Britez, de 36 anos, também ocupava uma caminhonete, quando foi interceptado por pistoleiros na estrada que fica a 25 km de Paranhos. Vários disparos de grosso calibre foram feitos e a vítima morreu.

Ignacio tinha ficha criminal por homicídio e também era apontado como o homem que ajudou na fuga de um integrante do PCC (Primeiro Comando da Capital), o traficante brasileiro Thiago Ximenez, conhecido como “Matrix”, ocorrida em dezembro de 2018, em Assunção.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.